Livre

Educação Livre Principais
COMO CONFIAR NOS BRASILEIROS?
A pátria amada, que tem um dos mais altos níveis de desconfiança do mundo, uma vez que o “jeitinho” vem codificado no DNA dos brasileiros, precisa criar um antídoto que chacine o problema congênito e hereditário da desconfiança social, o qual deve ser aplicado nos primeiros anos de vida dos seus cidadãos. Pois, como esclarece a filósofa política Hannah Arendt: “A condição humana afirma que cada nascimento humano constitui um…
História Livre Principais
Vaqueanos?
Lendo a literatura sobre a Guerra do Contestado, sejam livros ou relatórios dos militares combatentes ou depoimentos, sempre se depara  com o termo “vaqueano”. Nome dado somente aqueles que combateram apoiando as tropas legais, os militares. Entretanto nos processos que alguns foram submetidos, mas não condenados, são denominados de “tropas civis federais”.     Alguns autores notadamente surgidos, após Vinhas de Queirós, notadamente maniqueístas, os denigrem de forma assustadora, afirmando…
Colunas Livre Principais
Por que (não) comemorar o dia internacional do trabalho?
  No dia 1° de maio é comemorado o dia internacional do trabalho em vários países. Esta data foi escolhida para homenagear os trabalhadores da cidade de Chicago (EUA), que, no ano de 1886, foram às ruas reivindicar melhores condições de trabalho e a redução da jornada de trabalho para 8 horas diárias. Durante as manifestações houveram confrontos com a polícia que culminaram com trabalhadores mortos e feridos.    …
Educação Livre
Consumo e sustentabilidade ambiental
Zygmunt Bauman, no livro “Vida para o consumo”, adverte para a aparência banal dessa atividade humana que fazemos cotidianamente, “de modo prosaico, rotineiro, sem muito planejamento antecipado nem reconsiderações”, que é uma condição e um aspecto ilimitado pelo tempo.[1] Com a ruptura, ocorrida milênios após o início da humanidade, chamada de revolução consumista, o consumo se transformou em consumismo. O propósito da existência da maioria das pessoas é o consumismo,…